Arquivar para fevereiro de 2011

Email do domínio no Google ou Gmail

Seu email@seudominio no gmail.

Mas não dá pra negar que o GMail não se destaca apenas pela sua capacidade de armazenamento de mensagens. Os seus 7 gigabytes de espaço para alocação de mensagens são acompanhados de ferramentas imprescindíveis nos dias como por exemplo o Anti-spam impenetrável desenvolvido pela empresa de Mountain View. É raro, pra não dizer impossível, ver uma mensagem indesejada na Caixa de Entrada do webmail deles. É fato.

Também é fato que muita gente, como eu, não gosta de divulgar no seu cartão de visitas ou mesmo não considera de bom grado passar o seu endereço como “seunome@gmail.com”. E pouca gente sabe que hoje é possível ter uma conta, ou melhor, até 100 contas do GMail com seu domínio personalizado, “seunome@seudominio.com.br”.

Pra isso existe o Google Apps que permite usar ferramentas como Google Docs, GTalk, GMail e Google Agenda com seu domínio, de forma transparente. Pra isso, é necessário:

Se cadastrar no Google Apps. Acesse sua zona de DNS para alterações necessárias no MX.

Link de acesso ao cadastro do Google

Nenhum comentário.

Tendência de Sistema on-line

A nova internet oferecerá velocidade e interação munca antes vista, com websites oferecendo ferramentas de personalização do layout e interação com o conteúdo e com seus gerentes. Opções de entretenimento muito mais realistas e qualidade de vídeos e webTV comparados com os DVDs e a TV aberta atuais, respectivamente.

Mas, os sistemas também oferecerão interações e integrações capazes de fornecer soluções para todos os níveis de administração, gerência, produção, comunicação e segurança das empresas e instituições que necessitam de um ambiente mais conectado e online.

Por isso, aplicativos hoje oferecidos, por exemplo, pelo Google se destacam e fazem com que outras empresas passem a oferecer algo semelhante para que novas tecnologias sejam num futuro próximo desenvolvidas e oferecidas ao mercado.

Sistemas que se comunicam com outros sistemas, capazes de disseminar dados de maneira íntegra e compatível sem a necessidade de uma re-engenharia de nenhuma das partes, serão os de maior valor e que certamente oferecerão ao setor de TI capacidade suficiente de promover avanços em tecnologia e metodologia de desenvolvimento web.

Nenhum comentário.

Principais Diferenças entre PHP e ASP

Abaixo mostraremos as 14 principais diferenças entre o PHP e o ASP, com todos os exemplos da programação. Você encontrará a parte de ASP em azul e a parte de PHP em verde, de acordo com a legenda…

   ASP   PHP

1.
(ASP)
<% ‘Comentarios %>
(PHP)
<? //Comentarios ?>
ou
<?
/* …linha1
…linha2
…linha3
……… */
?>


2.

(ASP)
<% variavel = “variaveis com qualquer nome” %>
(PHP)
<? $variavel = “variaveis sempre com $ antes”; ?>


3.

(ASP)
<% Response.Write “O request retornado de nome é ” & request(“nome”) %>
(PHP)
<? print “O request retornado de nome é $nome”; ?>

4.
(ASP)
<% Response.Write “A variável a é igual a ” & variavel_a & “!!!” %>
(PHP)
<? print “A variável a é igual a $variavel_a !!!”; ?>
ou <? print “A variável a é igual a “.$variavel_a.” !!!”; ?>

5.
(ASP)
<!–#INCLUDE FILE=”ficheiro.asp” –>
(PHP)
<? include “ficheiro.php”; ?>

6.
(ASP)
<%
if a = 1 then
     ‘tá certo
else
     ‘tá errado
end if
%>
(PHP)
<?php
if ($a == 1)
      { //tá certo }
else
      { //tá errado }
?>


7.
(ASP)
<% variavelservidor = request.servervariables(“HTTP_USER_AGENT”) %>
(PHP)
<? $variavelservidor = $HTTP_USER_AGENT; ?>

8.
(ASP)
<% Response.Cookies(“numero”) = “1″ %>
(PHP)
<? SetCookie(“numero”,”1″); ?>

9.
(ASP)
<% Response.Write CInt(a) %>
(PHP)
<? print intval(a); ?>

10.
(ASP)
<% UBOUND(vararray) %>
(PHP)
<? count($vararray); ?>

11.
(ASP)
<% response.write request.querystring(“variavel”) %>
(PHP)
<? print $variavel; ?>

12.
(ASP)
<%
Function funcao()
    funcao = resposta
End Function
%>
(PHP)
function funcao()
{
    return $resposta;
}

13.
(ASP)
<% variavel = variavel + 1 %>
(PHP)
<? $variavel++; ?>

14.
(ASP)
<%
SQLStmt = “SELECT campo1, campo2 ”
SQLStmt = SQLStmt & “FROM tabela ”
SQLStmt = SQLStmt & “WHERE campo1=1 ”
SQLStmt = SQLStmt & “ODER BY campo2 ASC”
%>
(PHP)
<?
$SQLStmt = “SELECT campo1, campo2 “;
$SQLStmt .= “FROM tabela “;
$SQLStmt .= “WHERE campo1=1 “;
$SQLStmt .= “ODER BY campo2 ASC”;

Nenhum comentário.

Quais são os dez sites mais bloqueados pelas empresas?

Na tentativa de evitar que os funcionários percam tempo navegando na web durante o trabalho, algumas companhias optam pelo bloqueio de alguns sites. O principal alvo de preocupação das empresas são as redes sociais, e-mails pessoais e jogos online.

Um estudo publicado pela OpenDNS revelou a lista dos dez sites mais bloqueados pelas empresas. Entre eles, estão páginas como a rede social preferida dos brasileiros, o Orkut, além do site de mensagens instantâneas, Meebo. Confira a lista abaixo:

1. Facebook.com (23%)
2. MySpace.com (13%)
3. YouTube.com (11.9%)
4. Ad.Doubleclick.net (5.7%)
5. Twitter.com (4.2%)
6. Hotmail.com (2.1%)
7. Orkut.com (2.1%)
8. Ad.Yieldmanager.com (1.8%)
9. Meebo.com (1.6%)
10. eBay.com (1.6%)

Ainda de acordo com a pesquisa, quando questionados sobre os conteúdos online bloqueados no ambiente das empresas, 85% delas não permitem o acesso a pornografia, 76,2% a serviços de proxy, 58% a sistemas de apostas e 57,3% a questões relacionadas a drogas.

Nenhum comentário.